Cantinho do Cantador

Cantinho do Cantador

O Cantinho do Cantador é uma unidade de alojamento de Turismo em Espaço Rural, Casa de Campo, vocacionada para a exploração e oferta de animação assente no Turismo de Natureza e no Geoturismo, ao qual se associará condições logísticas para a prática de actividades desportivas: pesca, BTT, pedestrianismo e serviços de disponibilização de produtos locais, para aquisição ou consumo no local.

A casa Cantinho do Cantador, localizada no local mais privilegiado do lugar de Carvalho, freguesia de Riba de Mouro, concelho de Monção, tem uma história que data de há mais de 200 anos. Construída em pedra, com paredes grossas e namoradeiras por dentro das janelas passou, como é evidente, ao longo dos anos, por alguns trabalhos de manutenção e arranjo.

Desde a sua construção, feita à mão, pedra a pedra, como era hábito naquele tempo, esta casa foi o berço de muitas e numerosas famílias. Os registos mais evidentes apontam para a sua antepenúltima proprietária, mãe de 9 filhos, de nome Maria Rodrigues, com a alcunha de “Maria Gralheira”, casada com Manuel Augusto Gil, com alcunha de “Cantador”, por gostar de cantar ao desafio com os amigos nas poucas festas que, na altura, se faziam na aldeia.

Marido e mulher, lavradores, para poderem educar os seus filhos dedicavam-se, também, a outros trabalhos: ele, cantador amador e pedreiro profissional, ela doméstica, padeira e sábia parteira, ajudando a nascer com vida as crianças, não só do lugar mas de toda a freguesia. O seu dom de parteira era conhecido na freguesia e a esta casa recorriam muitos maridos ou familiares da parturiente, a pedir ajuda.

A casa estava envolvida com a eira, que era um espaço comunitário, onde todos os lavradores do lugar de Carvalho e outros lugares iam, primeiro, secar os seus cereais e, depois, malhá-los, ao som dos arraiais da época e das cantigas alegres do “Cantador”.

Ora, a casa Cantinho do Cantador era, então, um ponto de encontro de todos que ali secavam e malhavam os seus cereais. A sua proprietária, Maria Gralheira, a todos recebia com um sorriso hospitaleiro. No Inverno, as pessoas reuniam-se na eira para desfrutar do sol e do convívio, porém, antes passavam pela casa Cantinho do Cantador, para trocar alguma dúvida ou para pedir algum auxílio moral ou material.

No cantinho, espaço comum das casas de familiares, sempre se reunia um grupo de amigos para passarem as tardes quentes de Verão, na hora da sesta, ou as tardes de Domingo, a conversarem sobre os assuntos que os afetava ou então a jogarem às cartas ou outro jogo de grupo. Era, também, aí que as crianças se divertiam com as suas inúmeras brincadeiras. Nas noites frias de Inverno era na casa Cantinho do Cantador que se faziam as grandes espadeladas e fiadas do linho.

Todos sabiam que a família do Cantador era uma família muito hospitaleira, trabalhadora, solidária e habilidosa. Todos recorriam à casa Cantinho do Cantador para tentarem resolver os seus problemas e todos diziam que esta era uma casa especial, onde todos se sentiam bem. A freguesia de Riba de Mouro sempre soube reconhecer os valores desta casa e dos seus proprietários, pois sabiam que ali poderiam encontrar alguma cura para os seus males, tanto físicos como espirituais.

Alojamento de Turismo em Espaço Rural

O Cantinho do Cantador é um empreendimento classificado como Casa de Campo, composto por duas unidades: uma T2 e outra T1, vocacionada para a exploração e oferta de animação assente no Turismo de Natureza e no Geoturismo. Situada a escassas dezenas de metros do Glaciar do Alto Vez e nas proximidades do Parque Nacional da Peneda- Gerês, oferecerá aos seus hóspedes, uma tipologia de alojamento requintada, com total conforto, bem enquadrada na aldeia, na paisagem e na envolvente, equipada com todos os eletrodomésticos. Para além do alojamento, disponibilizam-se serviços que facilitam a prática da actividade geoturística, permitindo experiências sensórias únicas e uma verdadeira interligação com a natureza.